TJ-BA adia mais uma vez julgamento que pode decidir anulação do júri de Katia Vargas

Arquivo
Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) adiou novamente, nesta quarta-feira (4), o julgamento do pedido de anulação do júri que inocentou a oftalmologista Katia Vargas. A sessão aconteceu quase um mês após o desembargador Nilson Castelo pedir vistas ao processo, o que levou ao adiamento da decisão.

Um novo pedido de vista foi feito nesta quarta, com audiência marcada para o dia 2 de outubro.

Em 7 de agosto deste ano, foram proferidos quatro votos, dois a favor da anulação e dois contra. O relator do processo, desembargador Lourival Almeida Trindade, decidiu pela manutenção do resultado do júri realizado em dezembro de 2017, decidindo pela inocência da ré.

Faltam, ainda, os votos de 16 desembargadores da Seção Criminal do TJ-BA, que estão previstos para acontecer ainda nesta quarta. A sessão não tem horário para terminar.

Relembre o caso

A médica Katia Vargas se envolveu no acidente que levou à morte os irmãos Emanuel e Emanuelle, de 21 e 23 anos respectivamente, no dia 11 de outubro de 2013. O carro da oftalmologista bateu na moto onde estavam os jovens no bairro de Ondina, em Salvador.

Katia foi denunciada pelo Ministério Público da Bahia pelo crime de homicídio doloso, quando há intenção de matar. À época, testemunhas do acidente afirmaram no processo que a médica fechou com o carro a passagem da moto pilotada por Emanuel e que tinha a irmã na garupa.

Os dois morreram no local e a acusada foi hospitalizada, sendo levada para o Presídio Feminino de Salvador, na Mata Escura, após receber alta. Katia Vargas ficou detida por 56 dias até ser solta em 16 de dezembro de 2013.

Do BNews
TJ-BA adia mais uma vez julgamento que pode decidir anulação do júri de Katia Vargas TJ-BA adia mais uma vez julgamento que pode decidir anulação do júri de Katia Vargas Reviewed by Portal NA on setembro 04, 2019 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.