Tragédia em Mar Grande completa dois anos com protestos de sobreviventes e familiares dos 19 mortos

Divulgação/SSP-BA
Familiares de vítimas e sobreviventes do naufrágio da lancha Cavalo Marinho I que deixou 19 mortos e dezenas de feridos, na Baía de Todos-os-Santos, realizam protestos em Mar Grande, que pertence ao município de Vera Cruz,  neste sábado (24), dia em que a tragédia completa dois anos.

Mesmo após a tragédia, a empresa CL Transportes Marítimos, responsável pela embarcação, continua operando normalmente. Enquanto isso, sobreviventes e familiares das vítimas fatais ainda aguardam por respostas da Justiça. Apesar de algumas audiências de conciliação terem sido realizadas, até o momento, nenhuma vítima da tragédia recebeu indenização.

Uma missa foi marcada para esta manhã na igreja matriz da paróquia Sagrado Coração de Jesus, em Vera Cruz. Após a celebração, flores brancas serão jogadas no mar em memórias as 19 pessoas que morreram no naufrágio.

Em setembro do ano passado, o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) aceitou denúncia contra o proprietário da empresa CL Transporte Marítimo, Lívio Garcia Galvão Júnior, responsável pela lancha, e o comandante da embarcação, Osvaldo Coelho Barreto. Eles vão responder pelo crime de homicídio culposo (sem intenção de matar) e lesão corporal culposa.

No mesmo período, a Justiça de Itaparica determinou, provisória e preventivamente, o bloqueio de bens móveis, imóveis e direitos creditícios do responsável pela embarcação.

Questionado pela reportagem sobre o andamento do processo, o Ministério Público da Bahia (MP-BA) informou que uma audiência foi marcada para o próximo dia 05 de setembro, quando as testemunhas finais de defesa devem ser ouvidas pelo juiz criminal da comarca.

Do BNews
Tragédia em Mar Grande completa dois anos com protestos de sobreviventes e familiares dos 19 mortos Tragédia em Mar Grande completa dois anos com protestos de sobreviventes e familiares dos 19 mortos Reviewed by Portal NA on agosto 24, 2019 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.