Alagoinhas: Vendas no comércio caem após implantação da Zona Azul

Foto: reprodução/Gazeta dos Municípios
Reunidos na última quarta-feira na rua Sóror Joana Angélica, três dos milhares de empresários e comerciantes de Alagoinhas relatavam as perdas nas vendas desde a implantação do sistema zona azul. Panificadores, lojistas, vendedores de celulares e frios, muitos deles tiveram perdas entre 30%, 40% e até 50% no volume de vendas desde o último dia 14, quando o sistema foi iniciado.

Proprietário de uma loja de frios, Márcio Reis disse que o sistema só trouxe problema, porque os clientes não querem pagar para estacionar, deixando espaços livres em quase todas as ruas. “Eles vão se acostumar, é uma novidade, daqui a pouco todo mundo vai pagar e vai deixar de criticar”, disse o comerciário Jonas de Abreu, que se declarou favorável à adoção da medida, pois moderniza a cidade e dar a ela ares de cidade organizada.

O vereador Francisco Thor de Ninha disse que, por sugestão de alguns comerciantes, vai apresentar à Câmara Municipal, um projeto alterando o horário de funcionamento do comércio para a partir das 18h até às 21h, período em que não há cobrança da tarifa.

A medida, segundo ele, vai trazer os clientes de volta ao comércio e gerar novos empregos e renda para a cidade, que tem um centro sem atividades no período da noite. O assunto é um dos mais debatidos na Câmara Municipal. Vereadores de oposição e os recém ingressados nas fileiras oposicionistas já ingressaram com ações no Ministério Público solicitando o cancelamento da adoção da medida, alegando que a cidade não está preparada para isso.

Do outro lado, o vereador Juracy Nascimento, da bancada governista, vê a medida como uma forma de estruturar o sistema viário da cidade, dando mais fluidez e facilidades de estacionamentos, mas que a medida deveria ter sido mais discutida com a comunidade.

E pensando nisso, Juracy Nascimento organizou uma reunião com as forças empresariais, vereadores, diretores da empresa gestora do sistema e o Executivo. Lá ele apresentou cinco alternativas de mudanças viáveis ao sistema e teve quatro delas acatadas.

A primeira é a ampliação do número de vagas para carros onde o proprietário não vai levar mais de 15 minutos para efetuar sua compra ou serviço, a segunda ampliar o número de bilheteiros e outra a multa de R$ 20, ao invés de multa na carteira com perda de quatro pontos. O vereador ficou satisfeito com as alterações promovidas pela administração e acatadas pela empresa gestora do sistema.

“Esse tipo de motorista é o que mais vai ao centro da cidade, e ele precisa ir a uma padaria, a uma farmácia ou entregar um documento. Isso não leva mais do que 15 minutos”, disse o vereador. No plenário da Câmara Municipal o assunto vem sendo tratado com muitos debates e acirramentos.

A Câmara aprovou o projeto e com o aval de alguns vereadores que ainda estavam na bancada governista, mas que hoje se posicionam de forma contrária.

Do Gazeta Dos Municípios
Alagoinhas: Vendas no comércio caem após implantação da Zona Azul Alagoinhas: Vendas no comércio caem após implantação da Zona Azul Reviewed by Portal NA on fevereiro 27, 2019 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.