Juíza nega novo depoimento de Lula no caso do terreno do Instituto

Foto: Reprodução
A petição para novos interrogatórios do ex-presidente Lula e empresário Paulo Melo na ação sobre as supostas propinas da Odebrecht, foi negada pela juíza Gabriela Hardt.

O caso inclui a investigação sobre o terreno para abrigar o Instituto Lula e uma cobertura vizinha ao imóvel do petista em São Bernardo do Campo.

Os advogados de Lula fizeram a solicitação após o juiz federal Sérgio Moro ter deixado a Operação Lava Jato para se tornar superministro da Justiça e Segurança Pública do governo Bolsonaro.

A defesa tanto de Lula, quanto de Paulo Melo, alega que o afastamento do juiz Sérgio Moro, que conduziu as audiências de instrução do caso, haveria ‘afronta ao princípio da identidade física do juiz, caso este processo seja sentenciado por outro Juízo’.

A juíza discordou da apelação e ainda apontou que "cabe à defesa comprovar eventual prejuízo na prolação da sentença por outro juiz, o que, em princípio, não ocorreu".

"Não detendo o princípio da identidade física assento constitucional, e não sendo ele absoluto, com o afastamento do Juiz Titular fica o Juízo que o substituir ou o suceder responsável pelo julgamento deste processo, não havendo que se falar em qualquer afronta ao ordenamento jurídico", afirmou Gabriela Hardt.

Do R da Bahia
Juíza nega novo depoimento de Lula no caso do terreno do Instituto Juíza nega novo depoimento de Lula no caso do terreno do Instituto Reviewed by Portal NA on novembro 13, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.